sexta-feira, dezembro 02, 2016

Eça de Queirós na BD por Eduardo Teixeira Coelho





Aventuras Heróicas é o título de uma revista editada no Brasil, em São Paulo, no ano de 1955. Na imagem da capa, fica a saber-se que o conteúdo é O Suave Milagre Um conto de Eça de Queiroz ilustrado por E.T.Coelho.
A edição desta obra terá sido feita por influência de Jayme Cortez, autor de BD de origem portuguesa mas já então radicado no Brasil e naturalizado brasileiro, que tinha colaborado n'O Mosquito juntamente com Eduardo Teixeira Coelho (E.T.Coelho ou ETC), a quem muito admirava.

Originalmente publicado em Portugal na década de 1950, na já citada revista infanto-juvenil de banda desenhada O Mosquito, O Suave Milagre, embora muito bem desenhado, está longe de ser uma das obras mais representativas do talento de E.T.Coelho, mas foi talvez por ser uma das poucas curtas do autor - 13 pranchas apenas - a escolhida para o nº8 desta colecção intitulada Aventuras Heróicas, para a qual Jayme Cortez desenhou a capa. 

Tendo o episódio um cariz religioso - surgindo Jesus na imagem final, a corresponder dessa forma às preces de um jovem gravemente doente, assim se concretizando o suave milagre do título -, a sua escolha para a temática "aventuras heróicas" é claramente forçada, apenas tendo como explicação o facto de ser publicado na Edição Especial de Natal, datada de Janeiro de 1955. 

(Em Portugal este episódio teve a sua primeira publicação em Portugal, no ano de 1950, com início no nº1188, de 11/11/1950, e fim no nº 1200 de O Mosquito, e posteriormente num álbum editado em Março de 1977 pelo Clube Português de Banda Desenhada, para oferta aos seus sócios).  

quarta-feira, novembro 30, 2016

Concurso Toma Lá 500 Paus e Faz Uma BD!


O título é invulgar, como invulgar é o concurso organizado pela CCC - Associação Chili Com Carne. Mas ideias invulgares são vulgares na imaginação de Marcos Farrajota, e esta tem tido êxito invulgar! Toma Lá 500 Paus (leia-se euros, obviamente) e Faz Uma BD! já vai na 4ª edição, e a CCC continua invulgarmente activa nesta sua invulgar prodigalidade... 500 paus é um bom incentivo para quem quiser fazer uma banda desenhada.  

Vejamos as condições:

Instruções (não muito complicadas):
Para quem? 
Para Sócios da CCC com as quotas em dia - não é sócio? então é clicar neste LINK:

O prémio é monetário? 
É sim! 500 paus! 500 Euros!
Para além de que o trabalho será publicado!
E, para a próxima edição, o vencedor é convidado a fazer o cartaz e a integrar o júri!

Quem decide o vencedor?
Uma parte da actual Direcção da Associação Chili Com Carne, o vencedor da edição passada e alguns associados, a saber: André Coelho, Filipe Felizardo, Hetamoé, Marcos Farrajota e Ondina Pires.
O Júri reserva-se o direito de não atribuir o prémio caso não encontre qualidade nos trabalhos propostos.

Datas?
5 de Fevereiro 2017 é a entrega dos projectos!
14 de Fevereiro 2017 é anunciado o vencedor!

O livro é publicado em 2018!?

 Regras de apresentação dos trabalhos
- O livro não tem limite de páginas e de formato mas porque desejamos inseri-lo nas nossas colecções já existentes - Colecção CCC, QCDA, LowCCCost, THISCOvery CCChannel - o projecto terá mais hipóteses de ganhar se for apresentado num formato das colecções.
- Preferimos o preto e branco mas a cor não está totalmente afastada!
- Envio do seguinte material:
a) texto de apresentação do(s) autor(es),
b) sinopse do projecto
c) planeamento por fases (com datas)
d) envio de 20% do total da BD, sendo que o mínimo serão 4 páginas seguidas e acabadas e 16 planeadas.
- Todos estes elementos devem ser entregues em PDF, em serviço de descarga em linha (sendspace ou wetransfer) cujo endereço deve ser enviado para o e-mail ccc@chilicomcarne.com

Que projecto pode ser apresentado? 
- Uma BD longa de um autor ou com parceiros
- Um livro com várias BDs do mesmo autor (desde que tenham uma ligação estética ou de conteúdo)
- Uma antologia de vários autores com um tema comum

Boa sorte!
CCC
Este projecto tem o apoio do IPDJ


---------------------------------------------------------
Nota do bloguista do Divulgando BD:

Vale a pena ver imagens das obras vencedoras das edições anteriores deste original concurso. Cliquem no link abaixo indicado:
http://www.chilicomcarne.com/index.php?option=com_virtuemart&page=shop.browse&category_id=68&Itemid=77  
 -------------------------------------------------------------
Para ver as postagens anteriores referentes a concursos de banda desenhada bastará clicar no item: Concursos de Banda Desenhada, visível no rodapé         

sexta-feira, novembro 25, 2016

Chuva em Sandman







Sempre gostei de ver a chuva a varrer obliquamente a minha cidade, ou a criar salpicos nas tumultuosas águas de um mar coberto de manto cinzento. Cenários melancólicos, encharcados de chuva.

Há anos que, impressionado por imagens de intempéries desenhadas na BD, reproduzidas, por vezes, com singular estética realista, sinto o impulso de mostrar neste blogue algumas dessas vinhetas de banda desenhada, cuja beleza plástica me impressiona a sensibilidade.

Alguma vez teria de ser, e a decisão de o fazer surgiu, como imperativo inadiável, ao ler/ver/admirar mais um volume da notável obra de arte sequencial intitulada Sandman Mestre dos Sonhos, criada pelo argumentista/escritor Neil Gaiman, com o apoio de vários artistas. No caso sob análise, é o episódio Vidas Breves,no capítulo 2, desenhado por Jill Thompson, com arte-final de Vince Locke, e colorização de Danny Vozzo.

"It always rains on the unloved/Wet dreams"

Cada vinheta, cada prancha, cada capítulo, cada volume, enleva-nos, fascina-nos. Arte a um nível superlativo, esta maravilha gráfico-literária, Sandman.

Um sincero elogio à editora Levoir, e às equipas portuguesas que trabalham na edição portuguesa. Nestas Vidas Breves, a equipa é a seguinte: Coordenação editorial, José de Freitas; Design da capa, Silva! designers; Tradução, Pedro Vieira de Moura; Grafismo e legendagem, Frederica Clara de Armada, Rui Alves   

domingo, novembro 20, 2016

Cadáver Esquisito no Amadora BD 2016











Este "cadáver esquisito" foi criado no Amadora BD 2016. Não sei de mais alguém que faça isto num festival de banda desenhada: pedir a uns tantos autores, entretidos a darem autógrafos e que, em vez disso, criem uma vinheta/prancha que, ao fim da colaboração de cada um, resulte numa bd, muito embora com pouca coerência, uma espécie de "cadavre exquis".

Tive esta ideia há uns anos, e estou agora aqui a mostrar a sétima peça do género, todas elas publicadas neste blogue.

Eis os nomes dos autores das vinhetas/pranchas. De cima para baixo:

1. Filipe Alves
2. Jorge Coelho
3. Álvaro
4. Marco Mendes
5. Sérgio Marques

6. Miguel Santos 
7. Ricardo Cabral
8. Fil
9. Lança Guerreiro
10.Luís Louro  

---------------------------------------
Os visitantes interessados em verem os "posts" que contêm os anteriores "cadavre exquis" poderão fazê-lo clicando no item Cadavre Exquis aliás Cadáver Esquisito visível no rodapé

quinta-feira, novembro 17, 2016

Conversa(s) sobre BD - A segunda é com José Garcês




A 2ª sessão da iniciativa intitulada "Conversa(s) Sobre Banda Desenhada" vai ter como convidado autor clássico da BD portuguesa cujo nome surge no título da sessão do dia 19 de Novembro:
José Garcês: Balanço de Vida nos 70 Anos de Carreira.

O evento, que vai acontecer na Biblioteca Municipal de S. Domingos de Rana, terá por moderador José de Matos-Cruz, um pioneiro na divulgação da BD em Portugal. 

Neste mesmo dia 19 haverá a apresentação, por António Monteiro, da Exposição Colectiva de BD “Sobressaltos”,cujas pranchas já estão editadas em álbum.

Um pormenor a relevar na sessão: haverá a dramatização de um conto fantástico de Jean Ray. 

Aliás, visto tratar-se do 1º Aniversário da Bedeteca José de Matos-Cruz, o evento abrange diversas componentes, como se pode ver no cartaz que ilustra o topo do post, entre as quais a masterclass "Argumento para Banda Desenhada", dirigida por Mário Freitas (12 de Novembro), e o workshop "Ilustração para Banda Desenhada", por Osvaldo Medina (26 de Novembro).

--------------------------------------------
Quem estiver interessado em ver notícias sobre palestras tratadas anteriormente, basta clicar no item Palestras visível no rodapé