quinta-feira, janeiro 11, 2018

BDTECA - Mostra de BD em Odemira



Chegámos a Janeiro e, como acontece todos os anos em Odemira, inicia-se a BDteca, neste caso a 12ª Mostra de Banda Desenhada de Odemira.

No evento odemirense, que se inicia em Janeiro e termina em Março, a primeira parte é constituída pelo lançamento de um concurso de BD, cujas bandas desenhadas serão expostas no espaço da Biblioteca Municipal.

As restantes partes do evento serão divulgadas em devido tempo. Mas desde já se sabe que a entrega de prémios será um dos momentos públicos da BDteca, que também incluirá, no dia 24 de Fevereiro, a realização de uma tertúlia dedicada ao tema "BD a Sul"
Outro momento de interesse decorrerá no período da manhã desse mesmo dia, sendo que os ilustradores/autores de banda desenhada Phermad e Filipe Coelho dinamizarão uma oficina para o público em geral intitulada "Desenhar, pintar e caminhar em Odemira - Encontro Nacional de Sketchers".

------------------------------------------------ 

CONCURSO DE BD 

No que a esta componente do evento BDteca diz respeito, coloco já em destaque quatro aspectos muito importantes

1) As bandas desenhadas concorrentes terão de ser entregues até ao dia 16 de Fevereiro;
2) Podem candidatar-se pessoas com idade igual ou superior a 16 anos.
Portanto, (comentário meu), deduz-se que não há limite de idade (Atenção, veteranos, aí está uma boa oportunidade!);
3) As bandas desenhadas podem ter um máximo de 4 pranchas originais inéditas em formato A3.
Portanto (mais um comentário meu) é omissa a indicação de qual o mínimo de pranchas, o que significa que é permitido concorrer com uma bd de prancha única! 
4) Tema livre (pormenor que apenas se depreende por omissão de qualquer exigência temática).      

Obviamente, convém ler a totalidade do regulamento:

 
------------------------------------------------------

Para ver postagens anteriores relacionados com os temas Festivais Salões BD e afins, e Odemira BD bastará clicar nesses itens visíveis em rodapé    

segunda-feira, janeiro 08, 2018

Panorama das revistas de BD entre 1921 e 1976



Desde a revista ABC-zinho, cujo início tem data de 15 de Outubro de 1921, até à Visão, com a vida breve de doze números editados entre Abril de 1975 e Maio de 1976, decorre um arco editorial de numerosos periódicos de banda desenhada publicados em Portugal. 

Essa produção de quantidade assinalável foi pontuada por títulos diversificados que marcaram gerações, designadamente ABC-zinho, Tic-Tac, Senhor Doutor, Papagaio, Mosquito, Pirilau, Diabrete, Faísca, Pluto, Camarada, Gafanhoto, Mundo de Aventuras, Cavaleiro Andante, Flecha, Titã, Fagulha, Falcão, Foguetão, Zorro, Pisca-Pisca, Tintin, Spirou, Jacto, Jornal do Cuto, Jacaré, Visão, e ainda vários outros posteriores.

É sobre este tema que atrai o interesse de incontáveis entusiastas deste tipo de arte sequencial - em tempos idos conhecida pela expressão popular de histórias aos quadradinhos -  que vai incidir o colóquio intitulado "Um Panorama das Principais Revistas Portuguesas de Banda Desenhada".

Em simultâneo, estará patente uma exposição de exemplares de muitas das revistas acima mencionadas.  

A apresentação do colóquio estará a cargo dos sócios do Clube Português de Banda Desenhada - CPBD, Carlos Gonçalves e Geraldes Lino, que se apoiarão em fichas técnicas elaboradas pelo também sócio do CPBD Luís Filipe Veiga.

Data e hora do evento:
10 de Janeiro de 2018, pelas 18h30

Local do evento:
GEO - Gabinete de Estudos Olisiponenses
Palácio do Beau Séjour
Estrada de Benfica, 368
Lisboa 

#CPBD    
-------------------------------------------------
Os interessados em ver textos anteriores da rubrica "Colóquios sobre obras e publicações e autores de BD", ou também "Exposições BD Avulsas" podem fazê-lo clicando no respectivo item visível em rodapé